quinta-feira, 21 de outubro de 2021

MORDIDAS, PUXÕES DE CABELO E RACISMO EM PORTO ALEGRE

Lula e o auxílio eleitoreiro de Bolsonaro

Prefeitura de Jandaíra abre inscrições gratuitas para oficinas esportivas, vejam como se inscreverem.


Até o dia 26 de outubro, a Prefeitura Municipal de Jandaíra, por meio da Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social, promove inscrições para as oficinas gratuitas de Violão, Banda filarmônica, Teatro, Jiu-Jitsu, Futsal, Voleibol e Handebol.

As inscrições são voltadas para crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos e realizadas de segunda a sexta, das 8h às 13h, no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), que fica na Rua Vereador José Narciso, ao lado da Igreja Batista.

Para se inscrever é necessário documento oficial com foto e número do NIS do responsável e da criança ou adolescente.

Entre em contato com o SCFV para mais informações mediante o número: (84) 98793-6293.

Saldo nas contas do Fundo Estadual de Saúde não é para "uso livre", mas sim para pagamento de despesas


A Secretaria Estadual da Saúde Pública (Sesap) desmentiu, em nota, informação enganosa divulgada pelo ex-governador Fábio Dantas, repercutida em blogs locais, afirmando que haveria um saldo de R$ 188 milhões nas contas do Governo do Estado, dos quais R$ 144 milhões seriam para “uso livre”. Os recursos estão comprometidos com o pagamento de despesas para garantir o funcionamento dos atendimentos prestados à população, além dos contratos de serviços.

“A gestão da Sesap lamenta que informações distorcidas e enganosas sejam entregues ao povo do Rio Grande do Norte por agentes que conhecem a gestão pública, buscando criar fatos a partir de uma suposta realidade inexistente”, diz trecho da nota, numa referência à notícia falsa disseminada pelo ex-vice-governador.

A Sesap também reforçou “a disposição de seguir aberta a críticas construtivas e sérias que tenham como objetivo a melhoria para o atendimento à população potiguar”.

Fonte: Fato ou Fake


Governo do RN abre nova linha de crédito para agricultores



Em lançamento da Festa do Boi 2021, a governadora Fátima Bezerra assegurou R$ 9 milhões para pequenos agricultores e agricultura familiar através da AGN

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, e o vice-governador, Antenor Roberto, anunciaram R$ 9 milhões em crédito para pequenos agricultores e agricultura familiar, durante o lançamento da 59ª edição da Festa do Boi, nesta quinta-feira (21), em Parnamirim.

A maior feira de agronegócio do estado volta ao formato presencial em 2021, seguindo protocolos de prevenção à covid-19 e a exigência do passaporte da vacina aos participantes. 

O evento, que será realizado de 13 a 20 de novembro, foi apresentado em café-da-manhã oferecido a autoridades, empresários e imprensa pela Associação Norte-rio-grandense de Criadores (Anorc), em parceria com o Governo do Rio Grande do Norte, Sebrae, Assembleia Legislativa do RN e Prefeitura de Parnamirim.

Fátima Bezerra destacou a atuação do Governo no setor da agropecuária, inclusive junto à feira. A governadora demonstrou entusiasmo com a “reabertura das porteiras” do Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim, destacando a grande dimensão da Festa do Boi.  

“Não é uma atividade qualquer. Não temos medido esforços para chegar junto. Esse apoio tem sido crescente à cada edição. É uma das festas mais tradicionais, o maior evento agropecuário do Nordeste. E o momento é de fortalecer as políticas voltadas ao setor”, declarou.

O secretário Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar, Alexandre Lima, comentou a importância dos recursos que serão lançados: “Esse crédito emergencial voltado à agropecuária vai reforçar o trabalho que o Governo vem fazendo com o “Credmais” e vai ser fundamental para que a agricultura familiar possa superar esse momento crítico em função da estiagem que está acontecendo no Rio Grande do Norte”.

Os detalhes da nova linha de crédito estão sendo definidos pela equipe técnica da Agência de Fomento do RN (AGN), que disponibilizará os recursos, e devem ser anunciados o mais breve possível. A governadora reforçou também a cobrança de medidas nacionais para o agronegócio.

“Ao mesmo tempo, a gente quer aqui fazer um apelo ao governo federal para chegar junto. O Banco do Brasil tem mais de 240 milhões de reais em crédito rural, o BNB tem mais de 40 bilhões de reais. Por que não pegar parte desses recursos de forma a desburocratizar e colocar na praça. É inaceitável uma saca de milho acima de R$ 100. O Governo do Estado não pode fazer nada, porque isso depende da política de regulação de preço”, lamentou Fátima Bezerra. 

O presidente da Anorc, Marcelo Passos – acompanhado pelo vice-presidente, Marcos Teixeira – agradeceu aos parceiros da Festa e falou em poder de reconstrução. 

"O semiárido precisa de planejamento, crédito e políticas públicas. Esse é o papel da Anorc. A gente tem que sair daqui de mãos dadas, porque sem a atuação de todo esse colegiado, a gente não tem competitividade”, disse, ao lembrar que estados vizinhos não possuem uma estrutura semelhante para exposições e rodadas de negócios. 

“O protagonismo da professora Fátima tem permitido que, mesmo com a pandemia, tenhamos não o melhor parque do RN, mas do Nordeste. A gente precisa ter consciência disso. Vamos fazer essa retomada com muita musculatura. Teremos muitos leilões”, destacou Marcelo Passos.

E a pandemia não foi o único obstáculo à economia do agronegócio. O secretário de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (Sape), Guilherme Saldanha, ressaltou que a seca atinge de forma severa o estado. Contudo, os resultados deste ano serão positivos. 

“A gente tem no RN um setor agropecuário muito forte. Temos problemas com falta de água porque cerca de 93% do nosso território é semiárido. Mas, este ano, batemos a casa de R$ 1,5 milhão em exportações”, comemorou Saldanha. “Estamos brigando — uma briga boa — para sermos o maior produtor de camarão também. E com a linha de crédito da AGN a gente vai ter dinheiro para atravessar a seca, comprar ração, por exemplo.”

Também integraram a mesa da cerimônia o diretor superintendente do Sebrae-RN, Zeca Melo; o prefeito de Parnamirim, Rossano Taveira; o deputado estadual Hermano Morais; e o vice-presidente da Fecomércio RN, Luiz Lacerda.

Estavam presentes, também, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado; o diretor-geral da Emater-RN, César Oliveira; o diretor-geral do Idiarn, Mario Manso; o diretor-presidente da Emparn, Rodrigo Maranhão; os diretores técnico e administrativo da Ceasa, Roberto Monteiro e Eduardo Gomes, respectivamente; o presidente da Câmara Municipal de Parnamirim, Wolney França; o deputado federal General Girão; Robinson Bezerra e Shirley Castro, representando o Banco do Brasil; e Sartre Nogueira Fernandes, do Banco do Nordeste. 

Evento

A expectativa dos organizadores da 59ª Festa do Boi é que o evento reúna 330 mil pessoas, gerando R$ 50 milhões em negócios. Cerca de R$ 300 mil serão investidos pelo Governo do RN na realização. 

O espaço será divido em setores para agricultura familiar; leilões e “lives”; área de exposição de animais; Sebrae-RN; bioprevenção; feira de orgânicos e flores; desfiles e julgamentos; parque de diversões; empório de produtos regionais; fórum de palestras; praça de alimentação. O acesso à pista dos shows musicais será gratuito.

O Governo do Estado vai montar uma infraestrutura durante todos os dias do evento para mostrar “O RN que dá certo”, incluindo espaço de artesanato da Secretaria do Estado do Trabalho da Habitação e da Assistência Social (Sethas). 



Chapas inscritas na OAB/RN

Por Evandro Borges
Advogado


As eleições da OAB/RN  marcada para o dia 19 de novembro de 202 1 chama a atenção da advocacia. Ontem foi o prazo fatal para inscrição de chapas para a diretoria, para o conselho estadual com titulares e suplentes, candidatos a conselheiros federais, além da diretoria da CAARN, um número significativo de membros, além da paridade entre advogados e advogadas.

Ocorreram cinco inscrições de chapas, a primeira encabeçada por Aldo Medeiros e Lidiane Dias, em seguida a chapa denominada por uma Ordem Progressistas estando a frente Elisângela Fernandes e Marilda Almeida, a terceira com Magna Letícia e Sebastião Jales, uma quarta chapa apresentada por Marcelo Torres e Bárbara Paloma e ao apagar das luzes do fechamento das inscrições uma chapa com Fernando Pinto.

 A Chapa de Aldo Medeiros e Lidiane Dias é do atual Presidente da Ordem, mas com renovação dos membros. A chapa de Elisângela Fernandes e Marilda Almeida tem mais uniformidade política e apoiada pelo atual tesoureiro da Ordem, o advogado Alex Gurgel, a Chapa de Magna Letícia e Sebastião Jales, apoiada pelos ex-Presidentes, Paulo Teixeira, Sergio Freire, Paulo Coutinho, a atual Vice-Presidente Rossana Fonseca e a ex Vice-Presidente Marisa Almeida.

A chapa de Marcelo Torres e Bárbara Paloma conta com uma articulação forte do advogado Erick Pereira e a Chapa de Fernando Pinto se diz contra as posições do atual Presidente nacional da OAB, advogado Felipe Santa Cruz, portanto, há uma expectativa em relação aos debates que deverão proporcionar para a categoria profissional da advocacia.

quarta-feira, 20 de outubro de 2021

Por que fome cresce no Brasil?

CONTAG Sensibiliza Trabalhadoras Rurais Agricultoras Familiares para a Campanha Outubro Rosa

FETARN e jovens rurais do Mato Grande discutem o Plano Estadual de Sucessão Rural, evento aconteceu em Jandaíra

 


Continuar a vida dos pais no campo não é uma tarefa fácil e tão pouco entendida pela sociedade, ainda que se leve em consideração todo o avanço atual. é por isso que o Governo do Estado do RN está construindo o Plano Estadual de Sucessão Rural. O plano deverá construir propostas com a juventude rural sobre como essa juventude quer continuar a vida no campo junto com os seus pais ou dar continuidade dessa vivência no campo.

No último dia 14 de outubro, foi realizado o Encontro Territorial do Mato Grande para ouvir a juventude rural da região sobre a construção de propostas para o Plano. O encontro aconteceu na sede da Associação de Jovens Agroecologistas Amigos do Cabeço (JOCA), em Jandaíra. 

Contou com a participação de jovens rurais dos municípios de São Miguel do Gostoso, João Câmara e Jandaíra e de várias representações da juventude, dentre elas a representação da Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Rio Grande do Norte (FETARN), nas pessoas de Silmara Rodrigues (assessora de Juventude da FETARN) e de Erivam do Carmo (Secretário de Administração e Finanças da FETARN e Coordenador da Regional Nordeste da Confederação Nacional dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares - CONTAG); da jovem Rayane Medeiros, Primeira Secretária do Sindicato dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares de Jandaíra e também membra da JOCA; da Prefeita de Jandaíra, Marina Dias Marinho (PT); do Secretário Municipal de Agricultura de Jandaíra, Francisco Melo Medeiros, da presidenta da JOCA, Jailza de Oliveira Melo e demais associados da associação.

O Encontro foi coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar, através da Coordenação de Mulheres e Juventude Rural.

Durante o evento, a Prefeitura Municipal de Jandaíra reforçou o incentivo ao protagonismo juvenil do campo para transformação dos espaços e da própria realidade em que vivem. O local escolhido para a realização do evento teve o simbolismo de mostrar que a sucessão rural já acontece, seja, a exemplo da JOCA, que a 10 anos se constituíram enquanto uma associações de jovens rurais buscando a sucessão rural ou seja de forma individual como há algumas experiências.

Historicamente a FETARN, a CONTAG e os Sindicatos de Trabalhadores Rurais colocaram esse tema na ordem de suas pautas e eventos através das Comissões Municipais, Estaduais e Nacional de Jovens e vem propondo aos governos planos e ações que possibilitem o fortalecimento da juventude rural que querem continuar no campo com políticas públicas e dignidade. Uns dos principais eventos da juventude rural que coloca o tema como centro é o Festival Nacional da Juventude Rural, tendo sido o primeiro realizado em 2005, em Brasília.











Patu ganha Feira da Agricultura Familiar e R$ 210 mil para apoio à produção

Governo do RN leva programas de amplo alcance social ao interior

Ações que atendem pequenos produtores, estimulam a produção e geração de renda, além de ofertar alimentos saudáveis à população.  Estes são os objetivos dos programas do Governo do RN implantados nesta quarta-feira, 20, em Patu, na região Oeste: R$ 210 mil em microcréditos do Programa Estadual de Microcrédito da Agricultura Familiar, o CredMais, e inauguração da Feira da Agricultura Familiar com doação de seis barracas, através da Sedraf (Secretaria Estadual do Desenvolvimento Rural e da Agricultura Familiar). 

Vinte e uma famílias estão sendo beneficiadas com crédito no valor de R$ 10 mil cada uma. O CredMais é operacionalizado pela Sedraf, Emater e Agência de Fomento do RN (AGN). 

"Chegamos aqui com ações concretas para melhorar a vida do povo. O CredMais existe para apoiar a produção, incluindo beneficiamento e comercialização, dos agricultores e agricultoras que fornecem para o programa de compras governamentais, o Pecafes e nas feiras regionais", afirmou a governadora professora Fátima Bezerra. Ela também destacou a recuperação da estrada para o Santuário do Lima: "interiorizar o turismo é prioridade do Governo. Estas ações e investimentos fazem os recursos circular na cidade gerando ocupação e renda". 

O CredMais já beneficiou 358 famílias em 32 municípios totalizando R$ 1,4 milhão investidos desde 2019. 

O projeto Feiras da Agricultura Familiar estimula a comercialização e o consumo de alimentos saudáveis, sem agrotóxicos, no RN.  O projeto abrange os dez territórios no Estado. A meta, até novembro próximo, é implantar 30 feiras e beneficiar 300 famílias de produtores familiares. As feiras já foram implantadas em Paraú, São Miguel, São Miguel do Gostoso, Poço Branco e Grossos. 

O prefeito Rivelino Câmara disse que "hoje recebemos nossa governadora que vem entregar várias ações. Registro aqui que as duas gestões anteriores não vieram a Patu. O Governo Fátima, através da Sedraf trabalharam as últimas semanas durante o dia e a noite.  Inauguramos hoje parceria administrativa com o Governo que envolve, estradas, geração de empregos e turismo e vai se ampliar mais". 

Alexandre Lima, secretário da Sedraf destacou que o Governo vem ao interior trazer medidas importantes. O Microcrédito para a agricultura familiar não existia antes de 2019. E este ano já financiamos 1,7 milhão, apoiando as cadeias produtivas da agricultura, do leite, da pecuária, fazendo circular dinheiro na economia local. E também estamos construindo canais de comercialização. Ano passado compramos mais de R$ 15 milhões através do Pecafes. Tudo isso por que temos o Governo de uma professora que é comprometida com a agricultura familiar, atendendo reivindicações históricas dos movimentos sociais. Não é só conversa são realizações". 

Acompanharam a governadora, secretários, Fernando Mineiro, Gustavo Coelho, Guilherme Saldanha, Francisco Araújo, Laíssa Costa (GAC), adjuntos Osmir Monte e Sílvio Torquato, comandante da PM, Alarico Azevedo, presidente da AGN, Márcia Maia. Também compareceram ao ato em Patu os prefeitos de Janduís, Salomão Gurgel, de Lucrécia, Conceição Duarte, Raimundo Pezão, de Umarizal, deputado estadual Bernardo Amorim, pároco de Patu, padre Telmo, vereadores de Patu e cidades vizinhas, representante de associações comunitárias, de produtores e de quilombolas.